5 filmes de comédia romântica que todo mundo deveria ver

Todo mundo de vez em quando vai em busca de um filmezinho que venha lhe aquecer o coração e lhe agraciar com boas risadas. Prepare-se! Pois, ai vem 5 filmes de comédia romântica para cumprir com esta missão. 

1 – Sorte no Amor (2006)

Estrelado por Lindsay Lohan (Ashley) e Chris Pine (Jake), Sorte no Amor mistura: Fantasia, Comédia e Romance. A linda e estilosa Ashley Albright, sempre teve sorte com tudo na vida. A garota tem o emprego dos seus sonhos, apartamento incrível e é uma socialite de Nova York. Até que vê sua sorte desaparecer de repente numa única noite. Num baile de máscaras, tropeça em Jake Hardin, um cara gato e estranho ao mesmo tempo. Jake nunca teve sorte para nada, ele é empresário de uma banda quase falida, e o cara mais azarado de Manhattan. Um beijo acontece no baile, e a sorte se inverte, o que gera uma grande confusão, e claro, uma paixão.

2 – A Proposta (2009)

Filmes com casamento são incríveis, mas o melhor deste é que não se trata de um casamento comum. A Proposta não envolve buquês de rosas, um pedido especial e uma linda noite de núpcias, mas sim, uma quase extradição, um contrato e uma semana infernal com uma pessoa que lhe tira do sério. Margaret Tate (Sandra Bullock) é uma grande editora de livros, porém, ao ter seu visto negado, percebe que não há outro meio de continuar nos EUA — sem ter problemas futuros —, se não casando com um Americano. Andrew Paxton (Ryan Reynolds) tem um passado que pretende esconder. Este, trabalha para Margaret que é a chefe mais insuportável que existe. Então, subitamente, ela lhe faz uma proposta que envolve casar com ela, ter seu livro publicado e uma vida melhor no escritório. Ao aceitar, ambos se vêem na tentativa de provar ao governo estadunidense que são um casal apaixonado e não um casal formado pela busca de um visto permanente.

3 – E se fosse verdade (2005)

Talvez esse seja o filme mais amável e doce de todos, claro, depende da visão de cada um. Elizabeth Masterson (Reese Witherspoon), é uma médica exemplar, uma mulher independente que tem um apartamento…Ou pelo menos, teve. Esta sofreu um terrível acidente, e de repente encontra David Abbott (Mark Ruffalo) em seu lar, sua casa. Indignada Elizabeth tenta de todas as formas fazê-lo entender que o apartamento é seu. David não compreende como aquela mulher consegue aparecer de novo, e de novo em seu novo apartamento. Ele troca as fechaduras e mesmo assim, ela continua o atormentando. Até que ele percebe; Ela não é real, ou pelo menos não muito. Elizabeth é um espírito, e está preso em seu lar. David se vê na missão de mandá-la para o outro lado. Mas, como? Se ela não o deixa sequer pensar direito?

4 – Jogo de amor em Las Vegas (2008)

Todo mundo um dia teve vontade de jogar tudo pro alto e beber todas. Joy McNally (Cameron Diaz) é uma mulher linda, elegante e que faz de tudo pelo seu relacionamento, até que seu noivo a larga de repente. Jack Fuller (Ashton Kutcher) é um garanhão, o cara que não é lá muito responsável e trabalha com o pai, até que esse se cansa de dar tantas chances ao filho. Jack, é demitido pelo seu próprio pai, Joy é abandonada pelo noivo, e a única solução vista por eles é afogar as mágoas em Las Vegas. Eles se encontram, deixam as barreiras caírem e no dia seguinte descobrem: se casaram e Elvis Presley abençoou o casamento. Numa briga no dia após a descoberta e durante um jogo numa máquina caça-níquel, ganham 3 milhões de dólares, e o problema é que como agora são casados, para receberem o dinheiro precisam provar que são um casal estável, e terão que morar juntos, fazer terapia de casal e competir pelos 3 milhões de dólares.

5 – Qual seu número? (2011)

Algumas mulheres sonham em casar, algumas mulheres sonham em ter sempre um amante para esquentar sua cama a noite. Ally Darling (Anna Faris) sonha com os dois. Ally é uma mulher decidida e despreocupada, até que um dia, lendo uma revista descobre que em média as mulheres tem 10,5 parceiros sexuais ao longo da vida e também que mulheres que tiveram acima de 20 parceiros têm dificuldade de casar. Então ela decide contar, e em choque percebe que teve 19 e num encontro com as amigas descobre que talvez a revista não esteja tão errada. Colin Shea (Chris Evans) é seu vizinho, um cara gato que vive cheio de parceiras sexuais e por isso sempre foge delas toda manhã. Ally ao perceber que chegou ao número máximo pede a Colin ajuda para encontrar seus ex-namorados afim de não ultrapassar o número 20 e não ser uma solteirona pelo resto da vida. Mas, o grande problema será resistir ao seu ajudante.

Julia Paranhos

Julia Paranhos

Estudante de Comunicação Social - Jornalismo, no Espírito Santo. Apaixonada por livros, filmes e séries, em especial de aventura e romance. Extremamente feliz por escrever resenhas destes tópicos no Blog.

Leia também

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Categorias

Editora Parceira

Aliança de Blogueiros

Arquivo