[Resenha #11] Peanuts Completo: 1963 a 1964 – Charles M. Schulz @LePM_Editores

Autora: Charles M. Schulz

Lançamento: 2014
Estante: Skoob – Goodreads
Editora:  L&PM
Páginas: 325
Literatura: Estrangeira
Gênero: Quadrinhos
Estrelas: 5/5
Comprar: AmazonSaraiva

Peanuts completo:1963-1964 introduz alguns dos mais curiosos personagens que vêm se juntar à turma de Charlie Brown: o menino que se chama “555 95472”, mas é conhecido apenas como “5”, e suas duas irmãs, a “3” e a “4”. Nunca ouviu falar deles? Esta é apenas uma das muitas surpresas deste volume. Aqui também se encontram duas das mais vexatórias histórias de Charlie Brown tentando impressionar a garotinha ruiva no beisebol (não é necessário dizer que as coisas não saem como o esperado) e algumas tiras de histórias que nunca foram publicadas em conjunto, incluindo a malsucedida tentativa de Linus de concorrer à presidência do conselho estudantil e a traumática passagem de Snoopy pelo hospital. A introdução deste volume é de Bill Melendez, único animador autorizado a adaptar as tiras de Schulz para a televisão e amigo do autor por mais de quarenta anos.

“Peanuts
Completo –
1963 a 1964” é o sétimo volume da coleção Peanuts Completo da
editora L&PM que tem como objetivo publicar todas as tiras de Charles
Schulz. Cada volume equivale a dois anos de publicação e estão previstos no
total 25 volumes com capa dura e acabamento de luxo.
Peanuts Completo conta a história de
Charlie Brown, Snoopy e seus amigos. 



O livro contém
325 páginas com tirinhas todas desenhadas por Schulz e com prefácio escrito por
Bill Melendez, que foi amigo de Schulz por mais de 40 anos.

Peanuts
Completo traz em suas páginas tirinha recheadas de humor e leveza enquanto
acompanhamos Charlie Brown em seus diálogos onde sempre acaba se dando mal. Os
fracassos de Charlie Brown fazem nós nos identificarmos com todo o universo em
que os Peanuts se passa, pois sabemos que aquilo realmente acontece na vida
real e você acaba torcendo por ele, mesmo sabendo que ele se dará mal. Ele é um
garoto comum, mas é exatamente isso que nos faz gostar tanto de Peanuts (isso
e o snoopy <3)
.

Caso você
esteja se perguntando: por que você fez resenha do sétimo livro e não do
primeiro? Por dois motivos, o primeiro motivo é que eu tenho somente o livro 7 (estou aceitando os outros de presente #FicaADica) e o
segundo é que não é necessário ter lido os anteriores para que você possa ler
esse, a história dos livros não são interligadas (até porquê são as tirinhas
do jornal que você provavelmente lia quando criança)
. Mas você com certeza
terá vontade de ler os outros. 

Bell

Bell

Sou Bell Paula, tenho 28 anos e sou Bacharel em química e estudante de Tecnologia de Processos Químicos. A leitura está presente na minha vida desde criança, quando meus pais compravam para mim os gibis da Turma da Mônica, isso com meus 8 anos. Apaixonada por série que ninguém conhece, filmes clichês e músicas estranhas, tenho no manuscrito um lugar para falar das minhas leituras e compartilhar minha paixão. Amo livros de YA, romance e fantasia, mas adoro um bom clichê.

Leia também

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Arquivos