Resenha #88 Dupla Apenas por Uma Noite/ O Irmão da Minha Melhor Amiga – J. S. Cooper @HaperCollinsB

Título: Apenas por Uma
Noite

Autor (a): 
J.
S. Cooper
Lançamento: 2016
Estante: SkoobGoodReads
Páginas: 192
Editora: Casa dos Livros – HarperCollins Brasil
Literatura: Estrangeira
Gênero: Erótico, Ficção, Jovem
Adulto, Romance 
Estrelas: 2.5/5

Sinopse: Liv era uma mulher solteira, que há muito tempo não dormia com alguém.
Quando um homem sexy sorri para ela no casamento de seu ex-namorado, ela não
pensa duas vezes. Os dois ficam bêbados. Liv vai para o quarto de hotel do
estranho sedutor. Ela nem sequer se dá o trabalho de aprender seu nome. No dia
seguinte, resolve ir embora antes dele acordar. Queria se divertir e depois
seguir com sua vida. Era para durar só por uma noite. Mas, ao visitar seus pais
no final de semana seguinte, quem estava lá conversando com seu pai? O mesmo
homem que ela havia conhecido no casamento. Liv descobre que ele não era um
estranho qualquer, mas o noivo de sua irmã. O caso de uma noite se transforma
em um furacão de problemas. No fim das contas, essas coisas nunca duram só uma noite.


**ML**

Não tem como ser uma
resenha separada. Apesar de serem leituras individuais – um livro não completa
o outro – as estórias estão coligadas. Em Apenas por Uma Noite, o casal Liv e Xander se
conhecem de forma MUITO inusitada e acabam tendo uma conexão imediata, com uma
tensão/atração sexual forte eles se rendem a uma noite alucinante de sexo
casual (fora o encontro na igreja… Ops!).

Voltando… Liv e
Xander não trocam nomes e a noite que era para ser somente uma lembrança, vira
um problema quando a irmã insuportável
de Liv aparece noiva de ninguém menos que o Sr. Língua eita spoiler
Bom gente, eu não
vou me estender mais em contar sobre o livro, porque já soltei uns
spoilersnãospoilers sem querer e também o livro na minha opinião só é interessante até aqui.

O fato é que: A
autora deu uma viajada na maionese adulterada e fez um rolo doido com o livro.
Fato:

1 – Começando a ler,
vocês se deparam com duas fases da história. Nos primeiros 3 capítulos eu vi um
“potencial” na trama, me animei com a leitura e caí do cavalo
literalmente.
2 – Liv e Xander
poderiam ter um romance/hot/drama/ feat. relação muito linda e completamente
cativante se a autora não colocasse SÓ SEXO entre eles. 
É tipo: ‘Oi tudo
bem? + transa’, ‘Você está muito linda! + transa’, ‘Café da manhã +
masturbações’, ‘Almoço + foda rápida escondidos no banheiro do restaurante’.

Cara! Tudo bem, eles
são loucos um pelo outro. Só que é chato um casal viver somente em função de
sexo, sendo que a história da irmã vadia é realmente interessante e, se não
tivessem tanto trepa trepa (desculpem minha expressão revoltada) no meio, teria sido bem legal a forma como
eles conseguem se conectar no final do livro.

Enfim, não sei o que
as gringas viram nesse livro – que é um sucesso lá fora. A Editora Harper
Collins fez um ótimo livro, com diagramatura e edição muito legais.
O motivo de eu ter
dado 2.5 estrelas é somente no excesso de cenas/situações de sexo que a autora
colocou no enredo.
O que acabou me
desmotivando totalmente com a leitura do segundo livro da série que é…

Título: O Irmão da Minha
Melhor Amiga

Autor (a): 
J.
S. Cooper
Lançamento: 2016
Estante: SkoobGoodReads
Páginas: 208
Editora: Casa dos Livros – HarperCollins Brasil
Literatura: Estrangeira
Gênero: Erótico, Ficção,
Romance 
Estrelas: 3/5

Sinopse: Aiden Taylor é incrivelmente bonito, sexy, arrogante e muita areia para
o caminhãozinho de Alice. Ou, pelo menos, é nisso que ela acredita. O problema
é que ele é irmão de sua melhor amiga, Liv. Por isso, Alice jamais poderia
arriscar contar seus verdadeiros sentimentos. E se tudo desse errado? Como isso
afetaria seu relacionamento com Liv? O pior é que Aiden também é o melhor amigo
de Xander, noivo de Liv. Agora que os dois estão juntos, Alice está se
esbarrando com ele mais que nunca! Ok, dá para ficar pior: Aiden pegou Alice
beijando seu irmão, Scott, em uma festa. E se ele achar que Alice está
interessada em seu irmão? Mas o mais difícil é deixar para trás aquela noite
que aconteceu anos atrás. Um momento mágico, que Alice revive em sua cabeça desde
a adolescência. Sobre a qual os dois juraram não contar para ninguém. E agora,
mais do nunca, Alice precisa falar sobre a melhor noite de sua vida com o único
homem que não quer nada com ela. Mas às vezes segredos precisam ser revelados.
Às vezes a questão não é o segredo em si. Às vezes a questão é você.


**ML**

O Irmão da Minha Melhor Amiga,
neste livro vamos entender o que acontece entre Alice (melhor amiga de Liv e muito presente no
livro 1) e Aiden (irmão mandão, chato, controlador de Liv e que também passar a
ser melhor amigo de Xander). Daqui vocês já
podem imaginar como iniciei a leitura, né?

Bom, Alice e Aiden
desde o livro um são uma incógnita total. Eles aparentam ser apaixonados, só
que vivem com uma estranha guerra interna. O que complica ainda mais a situação
deles é que Aiden vê quando Alice beija Scott, irmão dele.

Com isso e com a
pressão da melhor amiga e futura cunhada, Alice tenta vários planos de
“conquistar” Aiden…
O livro 2 é bom,
tanto que dei 3 estrelas. Mas não o suficiente para que eu goste do plot twist que mais uma vez a J. S. Cooper viajada tenta dar a estória.

Esse livro por ser
narrado pela “mocinha” é bem engraçado, já que Alice não é muito
certa rs’. Só que nem isso
cola. Não sei, talvez seja eu sendo chata e crítica demais, pode ser, mas infelizmente são duas leituras que eu saio inteiramente frustrada. Não pelo
trabalho da Editora, 
eu sendo
repetitiva
, mas é que a autora escreve bem, só não sabe conduzir os
fatos da trama muito bem.


Recomendo a leitura?
Acho que sim, se alguém aí for curioso o bastante para ler. Estou totalmente
aberta (os comentários aqui do blog rs’) para receber o feedback.
Opinião é opinião
afinal de contas, né?
É isso, quem já leu
me fale se concorda ou não comigo e quem lerá também.

Beeeeijos

See ya!
Mazinha

Mazinha

Sou Mazinha, minha idade não importa, né? A alma é eterna KKKKK’ Moro em uma cidadezinha inexistente no mapa, sou viciada em Crepúsculo e todas as fanfics baseada nele, o que não quer dizer que a SM seja a minha autora da vida. Amo Romances e tenho me aventurado nos thrillers e segundo a Dani Fernandes eu adoro romance hot, só que nunca confirmei isso! Comecei a ler com 10 anos (vocês que lutem para fazer cálculos, eu sou de humanas).

Leia também

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Arquivos