Manuscrito Indica Séries Young Sheldon


Hey pessoal!
Mais uma Semana Temática e dessa vez vamos falar sobre Crianças. Como eu amo The Big Bang Theory,  mas não há nenhuma criança na série (eu sei, tem o filho do Howard e da Bernadette, mas ele quase não aparece) eu resolvi falar sobre Young Sheldon. Essa série que mal começou e nós já consideramos demais.

Em Young Sheldon nós acompanharemos a infância do físico mais amado e chio de manias das séries, Sheldon Cooper.


Nessa série derivada de TBBT nós conheceremos o início da vida do personagem mais amado da série, sua família, sua infância, seus amigos (ou a falta deles) e outros aspectos da vida de Sheldon que o definem em sua vida adulta.

A série por enquanto possui apenas dois episódios, visto que seu episódio piloto foi ao ar em setembro e seu segundo episódio em novembro. Mas já podemos perceber que a série terá um enfoque mais familiar do personagem, não mostrando apenas a vida dela, como também o que sua personalidade causa nas pessoas que  rodeiam.


Dentre esses problemas com as outras pessoas, iremos acompanhar como seu irmão mais velho irá lidar com a pressão de ter um irmão muito diferente e que, mesmo sendo muito mais novo, estuda na mesma série que ele. Como seu pai lidará com o fato de ter um filho muito novo e extremamente antissocial estudando na escola que ele dá aula. E como sua irmã gêmea e sua mãe (que nós já conhecemos de TBBT) lidam com suas manias e esquisitices.


A série, pelo menos no episódio piloto, tem a narração de Jim Parsons que interpreta o personagem Sheldon na vida adulta em TBBT. Na novata Young Sheldon, o intérprete do icônico personagem é Iain Armitage e Zoe Perry interpreta Mary Cooper, a mãe de Sheldon.




Bell

Bell

Sou Bell Paula, tenho 28 anos e sou Bacharel em química e estudante de Tecnologia de Processos Químicos. A leitura está presente na minha vida desde criança, quando meus pais compravam para mim os gibis da Turma da Mônica, isso com meus 8 anos. Apaixonada por série que ninguém conhece, filmes clichês e músicas estranhas, tenho no manuscrito um lugar para falar das minhas leituras e compartilhar minha paixão. Amo livros de YA, romance e fantasia, mas adoro um bom clichê.

Leia também

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Arquivos