Resenha #282 Malícias e Delícias – Tara Sivec @EdValentina

Título: Malícias e Delícias
Autor: Tara Sivec
Lançamento: 2015
Estante: Skoob
Páginas: 304
Editora: Valentina
Comprar: Amazon
Literatura: Internacional
Gênero: Romance, comédia, erótico
Estrelas: 3,5/5

CUIDADO: Esta história de amor pode matar você de tanto rir. Ah, e está escandalosamente lotada de porres homéricos e, hummm, sexo da melhor qualidade! Claire é uma espirituosa jovem de vinte e poucos anos que trabalha num bar (não era esse o plano, mas…) e, muito a contragosto, resolveu ajudar a melhor amiga (uma expert em malícias) a vender brinquedos eróticos bem safadinhos. Na verdade, seu sonho é viver de delícias, ou melhor, abrir uma confeitaria dedicada exclusivamente a doces, cookies e bolos feitos com muuuito chocolate. Quando Carter, um rapaz que conheceu numa festa de faculdade e com quem passou uma única noite (o suficiente para mudar sua vida para sempre!), reaparece na cidade sem demonstrar reconhecê-la, a não ser pelo profundo aroma de chocolate que Claire exala no ar, ela se mostra determinada – aaaai que loucura! – a fazê-lo nunca mais se esquecer dela. Só que existe uma terceira pessoa na relação (divertidíssimo, porém desbocado e inconveniente). Alguém que Carter desconhece e que, das duas uma: ou o obrigará a comprar uma passagem só de ida para o Polo Norte ou o fará o homem mais feliz do mundo!!!

***

Sabe aqueles livros que te fazem julgar pela capa e quando você lê descobre que estava totalmente errada? Pois Malícias e Delícias foi esse tipo de livro. Eu super julguei ele pela capa e me dei mal por isso.

Malícias e Delícias conta a história de Claire, uma jovem de 20 anos que está na faculdade. Ela é linda, desboca e ainda virgem. É assim que, durante uma festa, ela decide tirar esse empecilho do seu caminho e, muito bêbada, finalmente perde sua virgindade.

No dia seguinte, ao acordar numa cama estranha ao lado de um estranho pelado ela resolve ir embora antes que ele acorde. Ela só não esperava que nove meses depois um problema caísse no colo dela com o nome de Gavin, seu filho.

Anos se passam e Claire, após abandonar a faculdade e alguns sonhos, agora é mãe de Gavin, um garotinho de 4 anos bem peculiar e que não tem papas na língua, e trabalha num bar para pagar suas contas. Sua vida começa a melhorar quando Liz, sua melhor amiga se muda de volta para a cidade e resolve abrir um negócio. Mas ela não esperava que, ao chegar no seu trabalho, encontrasse o pai de seu filho bêbado porquê sua ex lhe traiu com várias pessoas.

Eu vou parar por aqui porque a partir daí é só coincidências, confusões e muitas risadas e se eu contar mais posso acabar contando algum spoiler que tire a graça do livro.

Esse livro, apesar de ser classificado como, não é exatamente erótico. Suas cenas mais quentes são apenas isso, quentes, além de não serem tantas assim. O livro pode ser classificado muito mais como uma comédia romântica, pois com toda certeza você soltara muitas risadas no decorrer da leitura, seja pelo mico que a Claire esteja pagando ou pelas falas desbocadas de algum persongem.

E por falar em falas desbocadas, isso foi algo que me incomodou um pouco na história e o motivo de eu ter dado 3,5 estrelas. A linguagem utilizada pelos personagens e muito chula e inicialmente faz você pensar ‘nossa, eles são gente como a gente!’, mas no meio do livro isso começou a me incomodar e parecer muito forçado.

Mesmo com a linguagem um pouco forçada, não me lembro quando foi a última vez que ri tanto lendo um livro. Os personagens são hilários e donos de personalidades únicas. As interações entre eles é um dos pontos altos do livro, é maravilhoso ver acompanhar as amizades que já estavam construídas como as amizades que se iniciavam. Eles são aquela turma de amigos que todo mundo quer andar no recreio. E o que dizer de Gavin que é o causador de vários micos e cenas engraçadas que a mãe passa.

A Tara Sivec tem uma escrita fluida e que prende o leitor. E algo que ela não economizou no livro foram os palavrões. Se você pensar em um palavrão aqui tem ele e suas variações.

A diagramação da Valentina está boa e a capa, apesar de não me agradar muito, tem tudo a ver com a história. Mas algo que me incomodou foi a folha branca do livro que atrapalha quem tem problema de vista e isso é mais um ponto que me fez tirar uma estrelinha do livro.

No geral, Malícias e Delícias e uma leitura agradável e bem engraçada, que lhe renderá boas gargalhadas. Recomendo para quem gosta de uma boa comédia romântica com uma boa pitada de cenas hot e recheada de personagens cativantes e desbocados!

Beijos e até a próxima!

Bell

Bell

Sou Bell Paula, tenho 28 anos e sou Bacharel em química e estudante de Tecnologia de Processos Químicos. A leitura está presente na minha vida desde criança, quando meus pais compravam para mim os gibis da Turma da Mônica, isso com meus 8 anos. Apaixonada por série que ninguém conhece, filmes clichês e músicas estranhas, tenho no manuscrito um lugar para falar das minhas leituras e compartilhar minha paixão. Amo livros de YA, romance e fantasia, mas adoro um bom clichê.

Leia também

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade

Categorias

Arquivos