Resenha #368 Oito Detetives – Alex Pavesi @FaroEditorial

Resenha #368 Oito Detetives – Alex Pavesi @FaroEditorial






Título: Oito Detetives
Autor: Alex Pavesi
Lançamento: 2021
Estante: Skoob
Páginas: 288
Editora: Faro Editorial
Comprar: Amazon
Literatura: Internacional
Gênero: Ficção Científica, Suspense
Estrelas: 4/5

“PERFEITO PARA OS FÃS DE AGATHA CHRISTIE E SHERLOCK HOLMES!” Existem regras para mistérios em que há um assassinato. Deve haver uma vítima. Um suspeito. Um detetive. O restante é apenas embaralhar a sequência de fatos para enganar o leitor. O matemático Grant McAllister resolveu esse raciocínio para escrever sete histórias de detetive calculando as diferentes ordens e possibilidades. E, por trinta anos, essas histórias pareceram perfeitas aos olhos de todos. Agora, vivendo recluso numa remota ilha do Mediterrâneo, vendo a vida passar, ele é descoberto por Julia Hart, uma editora ambiciosa e esperta. Julia quer republicar o livro de Grant, mas nota muitos pontos inconsistentes, quase propositais. Aos olhos de uma profissional, parecem pistas de crimes reais… Ela decide investigar. Em uma batalha intelectual com um adversário perigosamente inteligente, Júlia percebe que há um mistério maior por trás dos livros… Grant deixou as pistas para conectar os livros ou assassinatos da vida real? Toda investigação parte de evidências. Mas, e se elas fossem disfarces de algo mais grave?

Olá, pessoas! Hoje estou aqui para falar sobre um livro recebido da Faro Editoral: Oito Detetives.

Bem, começo dizendo que Oito Detetives é um livro de ficção científica e suspense em que observamos o embaralhar de sequências de fatos. Com o passar das páginas nos é mostrado histórias diferentes sobre assassinatos e uma conversa sobre as regras existentes para se forjar um bom mistério.

Neste livro temos dois personagens inteligentes: Grant McAllister e Julia Hart, escritor e editora, ambos são perspicazes quando o assunto é histórias meticulosas, possibilidades e ordens de acontecimentos. Grant é o criador de uma série de histórias de detetives, sete ao todo, que por trinta anos pareceram perfeitas para todos que a leram, menos para nossa editora Julia.

Julia querendo republicar as obras de Grant, sendo ambiciosa e esperta como é, consegue encontrar esse autor num lugar recluso numa remota ilha do mediterrâneo. Então, como disse antes, após o encontro os dois começam as conversas e anotações sobre o que McAllister escreveu. Ela não poupa perguntas em relação a vida do autor e muito menos às histórias que a deixam desconfiada.

O livro e seu mistério se inicia nas narrativas das histórias do autor, cada uma diferente da outra, apontando diferentes descobertas, questões simples e variações. Umas envolvem vários personagens e diversas dúvidas, outras nem tanto, mas todas tem algo em comum que são pequenas coisas que trazem referências e teorias nas quais pegamos com o desenrolar das falas de Julia que irá desencaixar e investigar todos os pontos.

Oito Detetives inova na narrativa. Temos um capítulo para narrar um conto de assassinato e outro para podermos desbravar os pequenos detalhes e explicações do autor (Grant) tanto sobre a sua obra quanto sobre sua própria vida que pode ter haver com o mistério, e é isso que torna o livro de Alex Pavesi diferente, totalmente original.

Há apenas algumas falhas, no caso, para mim, a narrativa as vezes tornava-se previsível, porém entendo que dentro de Oito Detetives há sete histórias de assassinato que demonstram os requisitos e estruturas de um romance clássico de assassinato, ou seja, vai conter histórias que logo iremos entender e resolver o mistério, mas o lado bom de Oito Detetive é que não para só nisso, dentro dessa previsibilidade teremos trechos a serem destacados para a solução de um mistério final.

Sendo sincera, comigo o livro não funcionou muito bem, mas acredito que esse possa ser um livro para aqueles que querem certa inovação narrativa, um quebra-cabeça diferenciado ou que estejam começando a se inserir levemente a esse tipo de gênero. 

Fica aqui a indicação de Oito Detetives, um livro com uma reviravolta final que pode deixar muitos satisfeitos e surpreendidos.

Julia Paranhos

Julia Paranhos

Sou uma estudante de jornalismo completamente apaixonada por livros em especial de romance e aventura. Adoro assistir filmes, séries e doramas. Amo demais escrever sobre tudo isto aqui no blog.

Leia também

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Categorias

Agenda

abril 2021
D S T Q Q S S
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930  

Parceiros