Trilogia: Minha Mãe é uma Peça

Trilogia: Minha Mãe é uma Peça






Título: Minha mãe é uma peça
Lançamento: 2013 – 2019
Duração: 1h 50min
Gênero: 
Comédia, Família
Direção: 
Susana Garcia
Elenco: Paulo Gustavo, Mariana Xavier, Rodrigo Pandolfo, Herson Capri
País: 
Brasil
Onde assistir: Telecine Play
Nota: 5/5

Oi gente, como vocês estão? Hoje eu vim indicar uma trilogia de filme nacional que eu sou totalmente apaixonado. 

A história de uma mãe como outra mãe. Que podia acontecer em qualquer lugar do mundo, mas essa história acontece aqui no Brasil em Niterói. Já adivinhou de qual trilogia estou falando? Se ainda não, lá vai mais uma dica: Dona Herminia.

Sim, hoje eu vim falar da trilogia Minha Mãe é uma Peça que é estrelada pelo ator Paulo Gustavo.

Hermínia Amaral (Paulo Gustavo) é uma dona de casa de meia idade, divorciada do marido (Herson Capri) que a trocou por uma mulher mais jovem, Soraya (Ingrid Guimarães). Hiperativa, não larga o pé de seus filhos Marcelina (Mariana Xavier) e Juliano (Rodrigo Pandolfo), sem dar-se conta de que já estão bem grandinhos. Um dia, após descobrir que consideram-na uma chata, resolve sair de casa sem avisar para ninguém, deixando todos, de alguma forma, preocupados com o que teria acontecido. Mal sabiam que ela havia ido visitar a querida tia Zélia (Suely Franco), para desabafar sobre as suas tristezas do presente e recordar os bons tempos do passado.

Minha é um Peça é aquele tipo de filme familiar, que assistimos e damos muitas risadas. No primeiro filme, percebemos como as mães acabam tendo que lidar com muitas situações e que muitas vezes não damos tanto valor quanto elas merecem.

Já no segundo, a história aborda o crescimento e o momento que a mãe precisa lidar com a saída do ninho. Em muitos momentos eu fiquei foi emocionado. Sério, essa trilogia nos faz ri, mas também nos emociona demais. As situações são bem reais e poderiam de fato acontecer.

No terceiro e último da franquia, Dona Herminia se sente só. Seus filhos saíram de casa e já estão construindo suas vidas, uma se tornando mãe e o outro se casando. E de longe foi o melhor filme da trilogia, pois tivemos flashbacks dos filhos criança e recordamos situações que foram apresentadas nos filmes anteriores.

Um dos momentos que mais amo, é o casamento, o discurso dela para seu filho e também a importância de ter o apoio da família na nossa vida.

Com um ar cômico, mas trazendo questões pontuais que nos levam a pensar e a perceber que quando temos apoio tudo fica melhor. Mas lembre – se também, uma família é feita por pessoas que nos querem bem, e essa ligação não precisa ser apenas de sangue.

A franquia Minha Mãe é uma Peça está disponível completa no telecineplay e os dois primeiros filmes na globoplay.

Por hoje e isso, espero que tenham gostado! Um ótimo dia para todos.

Jésus Dias

Jésus Dias

Salve Salve, meu nome é Jésus Henrique, mineiro de coração, tenho 25 anos e sou formado em Comunicação Social – Jornalismo. Escrever sempre esteve na minha essência e criatividade é quase como respirar. Sou apaixonado por livros desde que tive contato com a Escola de Magia e Bruxaria de Hogwarts, isso lá com meus 13 anos. Desde então, embarquei em diversas aventuras. Além dos livros, sou apaixonado por filmes e séries. E por aqui irei falar muito sobre elas. Se além disso, quiserem conhecer meu lado literário é só digitarem no Instagram @cantinho_de_literatura. Pois como diria Rory Gilmore “eu vivo em dois mundos e um deles é o dos livros”.

Leia também

Um comentário

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *