Resenha #128 Orgulho e Preconceito, Clássicos de Ouro – Jane Austen @ednovafronteira

0 Shares
0
0
0
Título: Orgulho e Preconceito, Clássicos
de Ouro
Autor (a): Jane Austen
Lançamento: 2018
Estante: Skoob
Páginas: 376
Editora:  Nova Fronteira
Literatura: Estrangeira
Gênero: Romance
Estrelas: 5/5
Sinopse: Poucos
romancistas conseguiram transmitir as sutilezas e nuances de seu próprio meio
social com a inteligência e a perspicácia de Jane Austen. Em Orgulho e
preconceito, ela nos presenteia com personagens memoráveis, como a jovem
Elizabeth Bennet, que se julga desprezada pelo rico e orgulhoso Mr. Darcy, e
começa a se interessar pelo militar Wickham. Nesta comédia de costumes, a
escritora inglesa mostra os perigos do julgamento à primeira vista e evoca as
amizades, fofocas e vaidades da classe média provinciana. Com mais de 20
milhões de cópias vendidas em todo o mundo, Orgulho e preconceito tornou-se um
dos romances mais populares da literatura. 
**ML**


Livro cedido pela Editora em um evento da Aliança de Blogueiros do RJ 

Orgulho e Preconceito é sem
sombra de dúvidas o livro mais lido da amada
Jane
Austen
, pelo mundo. Acho que não só pela incrível forma de escrever da
autora, mas este livro é um romance que surgiu no início do século XIX, quando
a Inglaterra estava no auge econômico, podemos conhecer com riquezas de
detalhes a alta sociedade inglesa. Jane emociona, traz leveza com bom humor
e  principalmente surpreende com as
críticas social da trama. O livro é um composto impressionante.

Entre pessoas
extremamente orgulhosas, hierarquias e preconceitos absurdos sobre classe
social, vamos embarcar na emocionante história de Sr. Darcy e Elizabeth Bennet.
Ele, que em Londres
é mais um dos pertencentes a alta sociedade e se mantém orgulhoso de sua
posição social, resolve acompanhar o amigo, Sr. Bingley, em suas férias no
campo. Chegando lá seus modos orgulhosos não são tão “bem vistos” e,
apesar de seu status social, acaba sendo questionável. Quando o Sr. Bingley se
aproxima da gigantesca família Bennet, Darcy conhece a instigante e linda
Elizabeth, logo que se conhecem ele passa a ter uma certa aversão pela moça,
simplesmente pela sua condição social.
  
Já Elizabeth é
precisa sobre o que pensa sobre Darcy, que ele é mais um homem que se orgulha e
tenta se diferenciar de todos. Porém, sua irmã mais velha se envolve com o Sr.
Bingley e com isso Elizabeth é obrigada a passar muito mais tempo na presença
de Darcy do que gostaria. Isso não muda suas atitudes e muito menos a afeta por
seu jeito superior o que gera entre eles uma convivência divertida.
O destino, no
entanto, traça outros planos para o casal e o encontro constante acaba os
aproximando e Darcy é o primeiro a viver a mudança de sentimentos por Elizabeth
que se mantém irredutível quanto as suas impressões pelo jovem. Porém o Amor
vence as barreiras Orgulho e Preconceito
entre os dois e Darcy toma as “rédeas” da situação e mostra a
Elizabeth o quanto ele a ama. É lindo!

Eu não tenho como
descrever todos os meus sentimentos por esse livro, não há adjetivos
suficientes para o amor que a Jane Austen desperta na gente, mesmo quem não é
tão fã de romances de época como eu, acaba apaixonado.
Os personagens
crescem, amadurecem sutilmente, a forma divertida em que os diálogos são
escritos, além da forma que Darcy  mostra
que seu amor e tão forte quando a sua postura, isso tudo somado a forma que
Jane faz críticas a sociedade complementa ainda mais a obra.
Essa versão de Orgulho e Preconceito tem capa dura e faz parte da Coleção Clássicos de Ouro da Editora Nova Fronteira. Um Hino de Edição eu
posso afirmar, a tradução do Lúcio Cardoso
e a capa que é a reprodução da arte intitulado 
“Yes or No?” do pintor inglês de Edmund Blair Leighton faz o
trabalho ser ainda mais incrível. Eu dei nota 5/5 e recomendarei um milhão de
vezes. Vale muito a pena!
Aproveito para
lembrar a vocês que na próxima terça-feira (dia 20/03) estreia a nova novela
das 18hs na Rede Globo –
Orgulho e Paixão
– que é inspirada das obras de Jane Austen e promete
ser tombo mais tombo no forninho da Geovanna.

Confiram a sinopse e
o elenco xicoso e me digam se a morte
vai ser pouca?!

Escrita por Marcos Bernstein e com direção artística de Fred
Mayrink
, a trama é livremente inspirada nas obras de Jane Austen,
conheça o elenco de ‘Orgulho e
Paixão’
, sua nova novela das 18hs.

 Elisabeta  é uma mulher com pensamentos à frente do seu
tempo, que vive sua juventude no início do século XX. Em uma sociedade
patriarcal e dividida por castas, nossa protagonista tem pensamentos
igualitários, deseja trabalhar e conhecer o mundo. Sua vida fica de cabeça para
baixo quando conhece Darcy, um homem de caráter e sisudo, por quem ela se
apaixona e que lhe causa fortes conflitos internos.
A jovem moderna é
amiga de Ema, que, assim como a maioria das mulheres de sua época, só pensa em
matrimônio. Juntas, elas viverão intensas histórias de amor, decepções e
divertidas aventuras!
Confira quem está no elenco de:

Elisabeta Benedito (Nathalia Dill)

Elisabeta, é uma mulher à frente do seu tempo que sonha em conhecer o mundo, ter seu próprio trabalho e não pensa em casamento. Ela é melhor amiga de Ema e vai ter o coração disputado por Darcy (Thiago Lacerda) e Ernesto (Rodrigo Simas).

Darcy (Thiago Lacerda)

Darcy, é um homem rico, inteligente, sisudo e de bom caráter. Ele pretende comandar os negócios da família e não acha que exista nenhuma mulher interessante para ele. À primeira vista, Darcy e Elisabeta vão se detestar, mas o tempo e a convivência podem mudar isso.

Ema (Agatha Moreira)

Ema é linda, divertida e adora juntar casais. Ela acredita no amor e no casamento, mas foge de seus sentimentos. Neta do Barão do Café, ela se dedica a cuidar do pai e do avô. Na trama, Ema e Elisabeta são melhores amigas!

Felisberto Benedito (Tato Gabus Mendes) e Ofélia Benedito (Vera Holtz)

Felisberto e Ofélia são pais de cinco mulheres e se preocupam de forma diferente com o futuro das filhas: a mãe só pensa em casar as meninas e o pai deseja que elas realizem seus sonhos.

Jane Benedito (Pâmela Tomé)

Jane, a mais bonita das irmãs Beneditos e confidente de Elisabeta. Jane é delicada, emotiva e discreta. Ela e Camilo vão viver uma linda história de amor, mas precisarão enfrentar muitos obstáculos.

Mariana Benedito (Chandelly Braz)

Mariana, uma jovem que ama ler aventuras e sonha com uma vida mais emocionante. De início, a jovem rejeitará o cel. Brandão, que depois se tornará seu grande amor.

Cecília Benedito (Anaju Dorigon)

Cecília é uma jovem sonhadora, que vive entre livros de mistério e que monta teorias para todo tipo de acontecimento. Ela viverá um grande amor ao lado de Rômulo, personagem vivido por Marcos Pitombo. Já podemos shipar o casal? #Romilia

Lídia Benedito (Bruna Griphão)

Lídia, a preferida da mamãe Ofélia! Sedutora e muito bela, ela também chama atenção pela futilidade e por ser mimada – muito diferente das irmãs. Vai acabar se metendo numa grande confusão no decorrer da trama.

Ernesto Pricelli (Rodrigo Simas)

Ernesto Pricelli, filho de imigrantes italianos. Um rapaz orgulhoso, cheio de ideais, muito impulsivo e que luta por por direitos iguais. O jovem vai se encantar por Elisabeta, que ficará entre ele e Darcy.

Susana (Alessandra Negrini)

Conheçam a nossa vilã! Susana é linda, dissimulada e manipuladora. Depois de perder o primeiro marido, fica estigmatizada como mulher infiel. Ela esconde um grande segredo e vai fazer de tudo para atrapalhar os romances de Jane e Elisabeta.

Camilo (Maurício Destri)

Sensível e doce Camilo, melhor amigo de Darcy e filho de Julieta, a Rainha do Café. Ele vai se apaixonar por Jane e precisará lutar para viver esse grande amor.

Jorge (Murilo Rosa)

Inteligente, bonito, e gentil, Jorge é um partidão! Na nossa história, ele se casa com Amélia, uma mulher de saúde frágil e de quem cuida até a morte, mas é secretamente apaixonado por Ema.

Amélia (Leticia Persíles)

A Amélia, uma mulher doce e com doença incurável. Ela e Jorge vão se aproximar por causa de Ema.

Afrânio (Ary Fontoura)

Afrânio é o famoso Barão do Café, pai de Aurélio e avô de Ema. Orgulhoso, ele vai esconder da família seus problemas de saúde e financeiros.

Aurélio (Marcelo Faria)

Aurélio, um homem honesto e carinhoso que vai se apaixonar por Julieta, personagem de Gabriela Duarte. Ele é viúvo, filho de Afrânio e pai de Ema.

Julieta (Gabriela Duarte)

Julieta, é uma mulher forte e que vive apenas para os negócios. Ela erá a vida bagunçada ao se apaixonar por Aurélio.

Coronel Brandão (Malvino Salvador)

Coronel Brandão, vive uma rotina pacata de quartel do interior, mas esconde um hobby inusitado. Apaixonado por Mariana Benedito, ele vai provar que não é tão sem graça como ela pensa.

Diogo Uirapuru (Bruno Gissoni)

Uirapuru, poeta e conquistador. Ele e Darcy já foram amigos, mas hoje se odeiam. Na trama, ele vai paquerar duas irmãs Benedito e causar muita discórdia.

Randolfo (Miguel Romulo)

Randolfo será um jovem tímido, que é apaixonado por Lídia Benedito.

Tibúrcio (Oscar Magrini)

Tibúrcio é um homem de poucos amigos e extremamente sério. Vive na misteriosa Mansão do Parque, na companhia de seu filho Rômulo e da governanta Fani. Cecília acredita que ele está por trás do sumiço da esposa.

Rômulo (Marcos Pitombo)

Rômulo, o famoso playboy do Vale do Café. Ele tem o porte atlético e chama atenção das mulheres pela beleza. Vai viver um lindo romance com Cecília Benedito.

Luccino Pricelli (Juliano Laham)

Mecânico dedicado, ele não conversa muito com os pais que o consideram introspectivo. Luccino será cúmplice de Brandão e ajudará a manter o segredo do coronel. Ele e Ernesto são irmãos.

Xavier Vidal (Ricardo Tozzi)

Xavier Vidal é dono de fazenda, competidor de corridas clandestinas e não tem escrúpulos. Nosso outro vilão!

Deixem-me saber o que vocês acharam da resenha. Vejo vocês em breve!

Beeijos.
See ya!
0 Shares
27 comentários
  1. Faz muito tempo que quero ler esse livro, mas ultimamente a vontade aumentou por causa da novela. Estava, inclusive, procurando qual seria a melhor edição pra comprar, então sua resenha veio em um ótimo momento pra acabar com minha dúvida, haha.
    Me fez ficar com mais vontade de ler, e adorei os detalhes dos personagens da nova novela!

    Virando Amor

  2. Ah, esse foi o primeiro livro de Jane Austen que li e foi na faculdade! Amei!! Preciso muito relê-lo!! Fico feliz que tenha gostado dessa leitura =)
    Quanto a novela, parece que será legal, vou tentar acompanhá-la.
    Bjs

  3. Olá, esse foi o primeiro livro da Jene que eu li e se tornou o meu queridinho. Eu confesso que tinha um preconceito por esse livro . Gostei da resenha me fez ter vontade de ler o livro novamente não vou assistir essa novela por medo de estragarem o meu livro preferido.

  4. Olá!
    Eu amo essa história! Ganhei um box e me apaixonei perdidamente por seus personagens. Um clássico que certamente atravessará gerações. Mal posso esperar para ver os personagens na novela. Só espero que não estraguem tanto hahaha
    Beijos!

    Camila de Moraes

  5. Olá,
    Que blog lindooooo, amei!!! Eu ainda não li Jane Austen, o que me acarreta vergonha, já que sou viciada em romances de época e ainda não conheci a rainha do genêro, mas estou me programando para concertar essa falha esse ano ainda, amei a resenha e cada vez que vejo algo sobre a obra fico mais curiosa.

    Bjs

  6. Oie!

    Eu ainda não li nada da Jane, mas já assisti aos filmes e amo demais eles! Com certeza no que eu tiver uma oportunidade irei ler todas suas obras um milhão de vezes, porque até hoje não conheço ninguém que não goste das histórias dela! *—*

    Bjss

  7. Já li esse livro um milhão de vezes, primeiro na versão da abril e depois das versões da Martin Claret q t são arrasadoras. Li outras obras da autora tbm. Tenho um carinho especial por ela, msm não sendo minha preferida da literatura clássica inglesa. Sobre a novela, eu tô adorando, pelo simples fato de que entendi q não é uma cópia, é uma inspiração. O roteirista está trazendo pra nossa terrinha, pra nossa história, personagens que amamos tanto, não para garantir fidelidade ao original, mas pra nos apresentar uma Lizzie e um Darcy nos padrões verde-amarelo.

    Raíssa Nantes

  8. Ainda bem que no horário da novela eu nunca estou em casa, pois pelo que vi não vai ser muito boa (e Elizabeta???) hahahaha. AMO esse livro! Orgulho e Preconceito é um clássico que todos os apaixonados por romance e tramas familiares deveriam conhecer… uma história muito rica e com personagens inesquecíveis.

    Gostei muito da sua resenha e já quero essa edição pra mim! 😀
    Beijos!

  9. Olá, gostei dessa edição de Orgulho e Preconceito. Muito em breve lerei finalmente a história, mas em outra edição, e espero gostar tanto quanto você. Vi dois capítulos da novela e achei bem divertidos.

  10. Amo o livro Orgulho e Preconceito! Tenho quase todas as obras escritas pela Jane Austen e tenho como uma das metas do ano ler suas outras histórias, como Razão e Sensibilidade, Emma, Persuasão e outros dois.

    Não tenho a menor intenção de assistir a novela Orgulho e Paixão. Primeiro porque é impossível ver o Sr. Darcy e a Elizabeth na pele desses dois protagonistas. Segundo porque não estou com vontade de ver a Globo destruir as histórias da minha autora querida. Sei que pode ser um sucesso, mas o rumo que a Globo tem tomado com suas últimas produções me indica que também pode ser uma grande decepção para os fãs. Prefiro não arriscar.rsrs

  11. Olá, nunca li nada de Jane Austen mas sei como ela é amada e isso não deve ser algo que veio sem motivos, sua escrita deve ser realmente muito boa, lembro que quando era mais nova eu assisti a adaptação do livro e gostei mas nada que me fizesse ter curiosidade para ler o livro, fiquei sabendo dessa novela e achei uma ótima sacada da globo,não sei se terei tempo de assistir,mas desconfio que vá ser muito boa.

  12. Oi!
    O único livro que li da Jane Austen foi bem esse, "Orgulho e Preconceito". Talvez por ter ido com muita expectativa na leitura por causa de tudo que rodeia esse livro e sua autora, acabei saindo da leitura me decepcionando bastante. Não sai da leitura morrendo de amores pela história e pelo Mr. Darcy – inclusive, acho ele muito chato. Já a Elizabeth, eu gostei um pouco mais. Gosto da personalidade dela.
    Eu entendo a importância do livro para a sua época e da própria Jane Austen, mas não gostei muito não… Acho que sou a única pessoa que não gostou, rsrs.
    Bjss

    http://umolhardeestrangeiro.blogspot.com.br/

  13. Oi!
    O único livro que li da Jane Austen foi bem esse, "Orgulho e Preconceito". Talvez por ter ido com muita expectativa na leitura por causa de tudo que rodeia esse livro e sua autora, acabei saindo da leitura me decepcionando bastante. Não sai da leitura morrendo de amores pela história e pelo Mr. Darcy – inclusive, acho ele muito chato. Já a Elizabeth, eu gostei um pouco mais. Gosto da personalidade dela.
    Eu entendo a importância do livro para a sua época e da própria Jane Austen, mas não gostei muito não… Acho que sou a única pessoa que não gostou, rsrs.
    Bjss

    http://umolhardeestrangeiro.blogspot.com.br/

  14. Olá! Acredita que ainda não li nada da Jane Austen? Tenho três ou quatro livros dela aqui, mas não me senti preparada para iniciar a leitura. Talvez desse ano não passe. Quero ler mais clássicos e acredito que aproveitando a hype consiga começar. Amei a resenha e apesar de não ver novelas fiquei feliz com as referencias que a televisão tem feito aos livros!

  15. Olá!
    Eu sou meio suspeita principalmente quando se trata de Jane Austen já que ela é uma das minhas autoras preferidas.
    "Orgulho e Preconceito" foi o primeiro livro que conheci da autora e talvez por isso seja o meu queridinho dela ^^
    Eu estou acompanhando a novela "Orgulho e Paixão" e ando tento leve surtos, pois fiquei apaixonada pelas personagens antes eu tava com um certo preconceituzinho com a novela, mas porque tenho um pé atrás com adaptações brasileiras mas depois parei com isso e já estou caindo de amores pela mesma.

    lereliterario.blogspot.com

  16. Conheço o clássico literário, mas nunca o li por completo, li uma parte e deixei para terminar depois e até hoje nada. Ainda assim acho toda a trama irresistível, pelo menos na época achei. Não sei como será minha visão sobre ela o dia que decidi lê-la na íntegra. Quanto à telenovela, confesso que estava mais entusiasmada, no entanto, sei lá, não convenceu. Gostei mais das tramas adjacentes do que da principal.

    Bexus @leitoraconectada

  17. Ei tentei ler Orgulho e Preconceito quando eu tinha uns 14 anos, mas a leitura não fluiu. Agora, com quase 30, vou tentar ler novamente. Comprei uma edição com Razão e Sensibilidade, Persuasão e Orgulho e Preconceito e ainda esse ano pelo menos Orgulho e Preconceito será lido. Espero me encantar pela história tanto quanto você!

    Beijos
    – Tami
    http://www.meuepilogo.com

  18. Olá! Tudo bom?

    Ontem mesmo fiz um post no instagram sobre Orgulho e Preconceito e já estava pensando em reler a obra e me apaixonar perdidamente mais uma vez. A versão que tenho é uma linda publicada bilíngue e também é capa dura como o seu, o que acho fantástico para essa obra em si. Sobre a novela eu ainda não tive tempo e oportunidade para vê-la, mas já vi criticas excelentes e espero poder confirmar por mim mesma logo ♥

    Um beijo

  19. Tenho o livro, mas sempre negligencio ele…. é um problema sério isso.. rs
    Novela não tem jeito, não tenho mesmo como ver devido a incompatibilidade de horários, mas eu queria muito ver.
    Adorei seu post! Super completo!

    beijinhos!!

    #Ana Souza
    LiteraKaos!

  20. Oi, tudo bem?
    Se esse não é um dos meus livros favoritos, eu não sei mais o que pode ser. AMO essa história com todo meu coração e me sinto toda boba sempre que tenho a oportunidade de reler. Jane é minha autora amada, ícone. E quanto a novela, não consegui acompanhar muitos capítulos, mas achei as personagens femininas bem caricatas ainda e espero que elas aparentem mais normalidade. E quanto ao nome do Sr. Darcy para Williamson ainda não superei. Adorei sua resenha! Beijos

  21. Olá, tudo bom?

    Eu nunca li Jane Austen, mas é por ter medo. Com a quantidade de fãs e recomendações, tenho receio de ler e não gostar. Com isso, acabo adiando a leitura e até o momento, não conheço o seu trabalho.
    Esse livro parece ser incrível, de verdade. Eu tenho ele na minha lista de desejados e ler a sua resenha fez com que eu deixasse o medo de lado e embarcasse nesse romance. Adorei como a personagem é descrita, já sei que me apaixonarei pelo Darcy e, provavelmente, será um livro favorito da vida. Espero que eu consiga ler logo, ainda mais nessa versão maravilhosa <3

    Enfim, adorei a postagem e agradeço a indicação 🙂
    Abraços.

  22. Olá!
    Adorei conhecer suas impressões sobre esse livro, que é um dos meus queridos da vida, confesso. Eu acho que a forma como a Jane construiu os personagens desse livro foi fascinante e apaixonante.
    Sobre a novela: eu tinha a intenção se assistir, mas não consegui tempo. Não sabia que tinha esse tanto de personagens nela, mas adorei seu resumo!
    Beijos

  23. Olá
    Eu amo romance de época e claro Jane Austen. eu curti muito esse livro mas até agora meu livro favorito da autora é Razão e Sensibilidade.
    Sobre a novela: Assisti alguns capítulos e até gostei, uma das melhores já transmitidas

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *