Resenha #411 Oli procura uma (nova) melhor amiga – Janaina Tokitaka @EditoraSeguinte @cialetras

Nessa divertida história conhecemos Olívia, ou Oli para os íntimos, uma garota do sétimo ano que mora em São Paulo – capital, e está prestes a “perder” sua melhor amiga Fafá.
0 Shares
0
0
6
Resenha # Oli procura uma (nova) melhor amiga – Janaina Tokitaka @EditoraSeguinte @cialetras







Título: Oli procura uma (nova) melhor amiga
Autor: Janaina Tokitaka
Lançamento: 2021
Estante: Skoob
Páginas: 112
Editora: Cia das Letras | Selo Seguinte
Comprar: Amazon
Literatura: Nacional
Gênero: Infantojuvenil
Idade: 8+
Estrelas: 4/5

Sinopse: Neste livro superdivertido, uma garota vai se meter nas maiores confusões para conseguir encontrar, a qualquer custo, uma nova melhor amiga.

Oli e Fafá são melhores amigas. Elas estão sempre juntas no intervalo, não perdem um episódio da novela coreana de que mais gostam e até inventaram a melhor comida do mundo, o coxinhole (metade coxinha, metade rissole). Mas quando Fafá conta que vai mudar de escola, o mundo de Oli vira de cabeça para baixo: como é que ela vai sobreviver sem a sua fiel escudeira?
Ela decide, então, tomar uma atitude e encontrar logo uma nova melhor amiga. As candidatas são Valentina, Fernanda, Nina e Tábata. Mas as garotas têm personalidades muito diferentes, e Oli vai ter que ser bastante criativa para tentar se aproximar de cada uma delas ― uma tarefa bem mais difícil do que parece.
Nessa narrativa leve e muito engraçada, Janaina Tokitaka apresenta aos jovens leitores uma menina determinada e que não tem medo de errar ― que ganha ainda mais graça com os traços do ilustrador Fits.

Indicado para leitores a partir de 8 anos.

Amazon


**Resenha feita em parceria com o Time de Leitores da Editora Companhia das Letras**

Oli procura uma (nova) melhor amiga é um infanto-juvenil publicado esse ano pela Seguinte – selo jovem da Companhia das Letras.


Nessa divertida história conhecemos Olívia, ou Oli para os íntimos, uma garota do sétimo ano que mora em São Paulo – capital, e está prestes a “perder” sua melhor amiga Fafá. Elas estudam juntas desde o segundo ano, tem muitas afinidades e nunca brigam. Mas, quando a Fafá conta que vai mudar de escola o mundo de Oli desmorona e ela surta.


Inspirada pela protagonista de seu Dorama favorito, Oli decide buscar entre suas colegas de escola alguém que possa substituir Fafá. Para isso, ela aproveita todas as oportunidades que encontra para se aproximar dessas meninas e tenta, do seu jeitinho estabanado, se enturmar.


“Uma mulher prevenida não espera, faz.”


Nessa busca ela se envolve em várias confusões e dramas típicos da adolescência. Entre lagartas, Doramas, cavalos e sorvetes, Oli descobre que nenhuma amiga pode ser substituída e que existem muitas pessoas incríveis bem pertinho de nós há apenas um Oi de distância.


***


Esse livro é bem curtinho, um pouco mais de cem páginas, e muito gostoso de ler. É impossível não se encontrar nesses dilemas tão comuns que todos nós passamos nos tempos da escola. Oli é uma menina divertida e corajosa, apesar da sua fobia por lagartas, e nos faz torcer por ela o tempo todo, mesmo quando seus planos obviamente vão dar errado.


Fafá e as outras personagens também são legais, cada uma com suas peculiaridades e me apeguei facilmente a elas. Oli tem uma boa relação com seus pais, o que sempre acho reconfortante de ler.

Com o caminhar das situações Oli aprende algumas lições importantes sobre amizade e mudanças, o que nos faz lembrar que toda situação ruim, mesmo que pareça ser o fim do mundo, uma hora passa.


O livro é narrado pela Oli, mas tem alguns trechos narrados pela Fafá, que ela usa para “conversar” com os leitores. O que ajuda a entender o ponto de vista dela diante das situações.


FITS fez um ótimo trabalho em suas ilustrações trazendo mais vida a história e certamente ajudará a atrair atenção dos leitores mais jovens.

No final tem uma entrevista com Janaina Tokitaka, a autora dessa obra, onde fala um pouco do livro e ainda deixa umas dicas de Doramas e livros (que vale a pena conferir).


A leitura é recomendada para leitores a partir dos 8 até uns 14 anos. E para adultos que queiram viajar de volta aos dramas adolescentes.

6 Shares
1 comentário
Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *